TABACARIAS EM PARIS JÁ COMEÇARAM A VENDER CUPONS DE BITCOIN

TABACARIAS EM PARIS JÁ COMEÇARAM A VENDER CUPONS DE BITCOIN

Em novembro do ano passado, o BTC Brasil informou que as tabacarias francesas passariam a vender Bitcoin em seus estabelecimentos. E foi exatamente o que aconteceu. Um total de 24 lojas já começaram a comercializar cupons da tradicional moeda digital em Paris.

A autorização para a venda do Bitcoin foi concedida pela Autoridade Prudencial Francesa de Supervisão e Resolução (ACPR), uma ramificação do Banco Central da França. Após essa permissão, os reguladores finalmente aprovaram que as lojas troquem criptomoedas por meio da comercialização de cupons físicos. O número de adesões ao ativo deverá aumentar para mais de 6.500 estabelecimentos para o mês de fevereiro.

CUPONS BTC

A startup francesa Keplerk está oferecendo apoio às tabacarias para a comercialização dos balanços de BTC. Em 2018, a empresa estabeleceu um acordo para que as lojas pudessem vender cupons Bitcoin, que poderiam ser trocados por fundos em seu site.

Os interessados podem comprar Bitcoin nesta modalidade, adquirindo cupons de 50, 100 e 250 euros (por um valor de US$ 57, US$ 114 e US$ 286, respectivamente). Uma vez efetuado o pagamento, o usuário recebe um ticket com um código alfanumérico e outro QR. Em seguida, os compradores devem visitar o site da Keplerk para receber o valor equivalente nos saldos Bitcoin ou Ethereum. A empresa cobra uma comissão de 7% e oferece 1,25% para as lojas.

O co-fundador da Keplerk, Adil Zakhar, comentou:

 

"Algumas pessoas acham difícil comprar o Bitcoin online. Portanto, confiam mais no proprietário da tabacaria local do que no site que vende os ativos".

 

Além dos cigarros, essas lojas também vendem bilhetes de loteria e expandiram sua linha de serviços para outras áreas, como a venda de cartões de crédito pré-pagos, créditos de celular e transferências de dinheiro em nível local.

PRIMEIROS COMPRADORES

Cyril Azria, morador de 45 anos, tornou-se um dos primeiros compradores de cupons da BTC e compartilhou sua experiência:

 

"Vou usar o Bitcoin que acabei de adquirir para comprar produtos on-line pela Internet, e o restante vou guardar para comercializá-los em outra oportunidade. É um bom momento para comprar".

 

Embora as agências reguladoras francesas alertem a sociedade sobre os riscos envolvidos em transações com criptomoedas, citando especialmente a volatilidade observada em seus preços, por enquanto não decidiram sobre qualquer medida que impeça sua comercialização através de exchanges ou lojas físicas.

Desta forma, a venda de cupons acaba se tornando uma alternativa bastante amigável de "levar" a criptomoeda a um grande número de pessoas.

Atualmente, os criptoativos registram seu menor valor em relação aos preços de dezembro de 2017, quando o Bitcoin passou a valer US$ 20.000. Agora, cada bitcoin está cotado a cerca de US$ 3.812 no momento desta escrita.