MERCADO DE FUTUROS DE BITCOIN CAIU 70 POR CENTO DESDE JULHO DE 2018

MERCADO DE FUTUROS DE BITCOIN CAIU 70 POR CENTO DESDE JULHO DE 2018

Uma investigação realizada pela TradeBlock sobre o volume de troca de futuros de bitcoins através do CME Group e do Chicago Board Options Exchange (Cboe) indica que o mercado caiu significativamente desde seu pico entre julho e agosto de 2018, atingindo um volume de taxa de câmbio semelhante à das principais bolsas de moedas criptografadas em dinheiro que operam nos Estados Unidos.

A pesquisa, publicada na última quinta, 7, mostra como o volume de bolsas de futuros do Bitcoin declinou significativamente no verão de 2018, depois de ter registrado números recordes em julho, com mais de 5.500 milhões de dólares de valor nominal combinado, e com quase 4.900 milhões de dólares em agosto.

O volume de negociação de futuros de Bitcoin da CME e Cboe atingiu cerca de 1.700 milhões de dólares em dezembro, representando uma redução de 70%.

Desta forma, apenas um ano depois de sua aparição no mercado de criptografia, a negociação de futuros de BTC diminuiu.

 

"Um ano após o início dos contratos futuros de Bitcoin regulados nos EUA, nossas descobertas de pesquisa mostram que o volume de negociação de futuros de bitcoin caiu desde que atingiu seu pico no verão de 2018. Além disso, nossos resultados apontam que o volume total negociado de futuros de bitcoin em todo o CME e o Cboe alcançou perto da paridade com o volume total de transações spot de bitcoin em cinco das maiores bolsas de moedas digitais acessíveis nos Estados Unidos".

TradeBlock

 

Essas casas de câmbio dos EUA são a Coinbase, a Bitstamp, a itBit, a Gemini e a Kraken. De acordo com a TradeBlock, embora o volume trocado por essas operadoras tenha sido reduzido em 85% entre janeiro e outubro de 2018, a queda na negociação de futuros é maior em termos de volume.

Em ambos os casos, a tendência de queda do mercado de criptomoedas foi influenciada pelo desinteresse dos varejistas em face a esse declínio no preço do Bitcoin. "Isso está de acordo com o declínio nas tendências dos mecanismos de busca para 'bitcoin' e 'criptocorrência' que têm sido usados como uma maneira de medir a confiança dos investidores de varejo", disse o relatório.

Futuros são contratos de investimento, estipulados entre duas partes, que concordam com a troca de um ativo cujo valor é calculado com base no preço de outro ativo subjacente (neste caso, o Bitcoin), estabelecendo um preço futuro para o curso e fechamento da negociação. Sua liquidação ocorre em uma data posterior, após a criação do acordo.