CO-FUNDADOR DA FOXBIT, GUSTAVO SCHIAVON, MORRE EM ACIDENTE DE CARRO

CO-FUNDADOR DA FOXBIT, GUSTAVO SCHIAVON, MORRE EM ACIDENTE DE CARRO

O co-fundador da corretora de criptomoedas Foxbit, Augusto Schiavon Ramos, - mais conhecido na comunidade Bitcoin como Guto - faleceu na tarde de ontem, 25, após ter se envolvido em um acidente de carro. O incidente ocorreu no KM 465 da Rodovia João Ribeiro de Barros (SP-294), na saída para Tupã, um município do interior de São Paulo.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária, chovia forte no momento da batida. Um dos veículos que se locomovia no sentido Marília-Oriente rodou na pista e se chocou com outro carro que vinha no sentido contrário. Na sequência, um caminhão que vinha atrás não conseguiu desviar e acabou atingindo os dois carros: um Chevrolet Cobalt e um Chevrolet Prisma. Guto, que estava no Cobalt não resistiu aos ferimentos e morreu. Outras quatro pessoas ficaram feridas e duas delas estão em estado grave.

Nascido em Marília - cidade do interior paulista - Gustavo, de apenas 24 anos, era Bacharel em Sistemas de Informação pelo Univem (Centro Universitário Eurípedes de Marília) e ocupava o cargo de Diretor de Operações na FoxBit. Ele fundou a empresa juntamente com João Canhada em 2014.

O velório aconteceu ontem no Cemitério Municipal de Pompeia e o sepultamento estava previsto para o final da tarde de hoje, 26.

A notícia foi recebida com muita tristeza pela comunidade de criptomoedas no Brasil e na América Latina, onde Guto era bastante conhecido e querido. Várias mensagens de pesar foram publicadas nas redes sociais, com homenagens e solidariedade com a família.

A FoxBit publicou uma nota de falecimento oficial na página do facebook da empresa sobre o ocorrido: