CHINA DIVULGA RANKING DAS MELHORES BLOCKCHAINS E CRIPTOMOEDAS DO MERCADO

CHINA DIVULGA RANKING DAS MELHORES BLOCKCHAINS E CRIPTOMOEDAS DO MERCADO

Os diretores do Centro de Informação e Desenvolvimento da Indústria (CCID) na China publicaram na semana passada uma lista na qual foram consideradas as diferentes redes blockchain atualmente em operação, atribuindo a primeira posição a EOS e à segunda ao Ethereum.

Para realizar essa classificação, os pesquisadores se baseiam nos cálculos do "Índice de Evolução Global da Tecnologia Pública do Blockchain", que avalia três elementos: aspectos técnicos básicos, aplicabilidade e criatividade.

EOS EM PRIMEIRO LUGAR

De acordo com a lista publicada pelo CCID, a EOS foi a rede que mais pontuou entre todas as avaliadas. Um aspecto interessante é que esta ocupa o primeiro lugar desde junho de 2018, mesmo apesar de a criptomoeda e sua rede terem sido duramente criticadas no final do ano passado.

Entre as críticas levantadas pelos pesquisadores, o mais notável é que seu modelo de governança não possui garantias de segurança suficientes, pois se houvesse acordo entre aqueles que detinham o monopólio dos ativos, as transações poderiam ser modificadas sem grandes problemas.

No entanto, o "sistema" EOS é o que mais pontua em termos de seus aspectos técnicos básicos, motivo pelo qual suas propriedades tecnológicas foram descritas de maneira muito positiva.

ETHEREUM SE MANTÉM EM SEGUNDO LUGAR

Os responsáveis pelo estudo colocaram o Ethereum sob o EOS no ranking, indicando uma maior valorização em sua aplicabilidade e criatividade, porém ainda está "abaixo" no que diz respeito às suas propriedades técnicas.

O Ethereum está em segundo lugar desde dezembro do ano passado e permanece lá, apesar dos atrasos na atualização de sua rede, já que dias antes os pesquisadores descobriram uma vulnerabilidade significativa em um dos EIPs contemplados em Constantinopla.

BITCOIN SOBE PARA O 15º LUGAR

Por outro lado, uma das redes que ficou em muitas posições abaixo foi o Bitcoin, que ocupa o 15º lugar atualmente. A tradicional e conhecida criptomoeda ainda está numa classificação inferior a outras blockchains como NEO, Stellar, IOTA e Steem.

Apesar de ocupar o primeiro lugar no ranking de preços e volume de operações, o Bitcoin tem pontuações muito baixas na avaliação de seus aspectos técnicos e na aplicabilidade de seu "sistema". Isto não é surpreendente, uma vez que a criptomoeda e sua rede foram pensadas como um sistema para a transmissão de dinheiro eletrônico P2P, portanto, sua funcionalidade é reduzida para este propósito e suas implementações foram feitas através de camadas adicionais.

No entanto, em comparação com o ranking publicado pelo CCID em dezembro do último ano, o Bitcoin foi originalmente classificado em 18º lugar, então os dados mais recentes dão uma classificação melhor em relação ao status atual de outras redes.

OUTROS DADOS

Entre as redes mais conhecidas estão NEO (Rank 7), Steem (10), Stellar (11), IOTA (13), Ethereum Classic (19), Ripple (20), Cardano (23) e Bitcoin Cash (28).

Possivelmente, redes como Ripple e Cardano escalam para outras posições. No caso da primeira citada, há uma forte campanha para promover sua adoção e a implementação de várias soluções, enquanto no caso da segunda, sua equipe está implementando alguns ajustes importantes em face da próxima grande atualização que vem para a rede, melhor conhecida como Shelley.